Array
Notícias

Desmatamento destrói 84 mil hectares de habitats de coalas

Array
Desmatamento destrói 84 mil hectares de habitats de coalas
Crédito: Dave Hunt/AAP

Entre meados de 2013 e 2015, cerca de 14% das áreas desmatadas em Queensland, na Austrália, eram habitats de coalas. Oitenta e quatro mil hectares foram destruídos dois anos após o animal, considerado símbolo nacional, ser listado como vulnerável. Os dados são de levantamento desenvolvido pela WWF e Fundação Australiana de Coalas (AKF).

Segundo o mapeamento, a maior parte dos habitats de coalas desmatados seria utilizada para pastagens. Recentemente, o Departamento de Meio Ambiente anunciou uma intervenção para interromper o desmatamento em uma propriedade no norte de Queensland com o intuito de avaliar os impactos sob a Lei de Conservação da Biodiversidade e Proteção Ambiental.

Entre os anos de 2009 e 2010, 78 mil hectares foram destruídos. Já entre 2014 e 2015, ocorreu um desmatamento de 296 mil hectares, um aumento de mais de três vezes.

Deborah Tabert, presidente executiva da AKF, disse que a perda é “chocante dada a recente declaração de que os coalas estão extintos em várias partes de Queensland”. Ela questionou como isso ocorreu já que os animais estão listados como vulneráveis desde 2012.

“Se queremos salvar os coalas em Queensland, então temos que impedir os tratores de destruírem seu habitat, é extremamente simples”, declarou o cientista da WWF Martin Taylor.

Com informações da Agência de Notícias de Direitos Animais