Array
Notícias

Cachorro-do-mato atropelado em Ipatinga é solto em área verde da região

Array
Cachorro-do-mato atropelado em Ipatinga é solto em área verde da região
Cachorro-do-mato atropelado é devolvido à natureza / Crédito: Assessoria de comunicação Usipa

O cachorro-do-mato (Cerdocyon Thous), atropelado há cerca de um mês em área urbana de Ipatinga, foi devolvido à natureza ontem (26), em ambiente adequado para sua sobrevivência. O animal, macho de idade aproximada de três anos, havia sido socorrido pela Polícia Ambiental e levado ao zoológico da Usipa, onde recebeu os devidos cuidados.

A soltura aconteceu em área verde da região, devidamente autorizada pelo Instituto Estadual de Floresta (IEF), quando o cachorro-do-mato já estava livre de escoriações, hemorragias e hematomas. A ação foi realizada pela Polícia de Meio Ambiente do Vale do Aço e acompanhada pelos técnicos da Usipa.

Sobre a espécie

Os cachorros-do-mato possuem uma coloração variável, exibindo uma mistura de cinza, marrom e tons de amarelo. As orelhas são curtas e possuem nuances avermelhadas. A cauda é relativamente longa, com pêlos longos tendendo a uma coloração preta.

A espécie normalmente habita em áreas abertas, campos e cerrados. É um animal territorialista e pode ser observado em grupos compreendendo um casal monógamo de adultos.

É normalmente um caçador solitário, mas em algumas raras situações, pode caçar em pares. A dieta onívora varia dependendo da estação e tipo de habitat, mas geralmente incluem grandes proporções de frutos e pequenos mamíferos, mas também podem se alimentar de artrópodes, aves, répteis e anfíbios.