Array
Notícias

Iceberg ameaça colônia de pinguins na Antártida

Array
Iceberg ameaça colônia de pinguins na Antártida
Crédito: AP Photo/Natacha Pisarenko

A população de pinguins de Adélia no Cabo Denision, Antártida, sofre com o deslocamento de um iceberg. De acordo com pesquisadores da Austrália e Nova Zelândia, em artigo na revista Antarctic Science, a massa de gelo batizada de B09B, com área de 100 quilômetros quadrados (equivalente à cidade de Paris) moveu-se para o leste e encalhou na baía de Commonwealth, alterando a rota em busca de alimento das aves em mais de 60 km e dificultando a volta para a colônia.

A expedição formada por investigadores da Universidade de New South Wales, do Centro de Investigação sobre Mudança Climática e do Fundo da Nova Zelândia West Coast Penguin, teme o desaparecimento total da colônia nos próximos 20 anos, caso o B09B não se mova novamente.

Estudos de 2011 apontaram cerca 160 mil pinguins e, após o deslocamento da geleira, o novo censo de 2013 contabilizou apenas 10 mil. Segundo o responsável pela expedição, Chris Turney, centenas de ovos abandonados foram encontrados e as aves observadas eram “muito dóceis, letárgicos, quase não estavam conscientes de sua presença”, disse.

Turney mostrou a preocupação dos pesquisadores com a situação das aves. “Eles apenas estão sobrevivendo, e não têm condições de incubar a próxima geração. Vimos muitas aves mortas no chão. Foi devastador”, contou.

Cientistas acreditam que o deslocamento ocorreu por causa das mudanças de vento e condições locais. A quantidade de gelo na Antártida tem aumentado, diferente do que acontece no Ártico, que sofre com o aquecimento global.