Array
Notícias

Reunião discutirá combate a incêndios florestais na região do Parque Rola Moça no próximo sábado

Array
Reunião discutirá combate a incêndios florestais na região do Parque Rola Moça no próximo sábado
Incêndio no Parque Estadual da Serra do Rola Moça em outubro de 2014 / Crédito: Amda

Neste sábado (11), às 16h30, será realizada a terceira reunião do Grupo de Prevenção e Controle de Incêndios Florestais de Casa Branca nas instalações do Condomínio Aldeia Cachoeira das Pedras. O encontro está sendo organizado pela Amda, Brigada 1 e Instituto Casa Branca de Proteção à Fauna e Flora, com apoio do Instituto Estadual de Florestas/ Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) e tem como objetivo ampliar a articulação para ações de combate a incêndios florestais na região do entorno do Parque Estadual da Serra do Rola Moça, para evitar que o cenário de destruição causado pelo fogo em 2011 e 2014 se repita este ano.

O grupo, formado por condomínios, associações comunitárias, empresas e entidades não governamentais com atuação no Rola Moça e em sua Zona de Amortecimento, está finalizando Acordo de Cooperação para elaboração e implementação do programa de prevenção e combate a incêndios florestais na região. Outro objetivo do acordo é o desenvolvimento de atividades de educação ambiental, dirigidas prioritariamente à conscientização sobre os efeitos das queimadas e sobre as formas de evitá-las.

Os incêndios florestais constituem um dos principais fatores de degradação dos ambientes naturais e afetam, de forma significativa, os mananciais de água utilizados no abastecimento das áreas urbanas e rurais, além de colocar em risco vidas humanas.

Na ocasião, também serão discutidos outros assuntos relacionados à implementação do plano de prevenção e controle de incêndios no entorno do parque, como a implantação de aceiros preventivos, reservatórios de água e hidrantes em pontos estratégicos e brigadas de combate.

Foram convidados para a reunião representantes dos condomínios Aldeia Cachoeira das Pedras; Quintas de Casa Branca; Ville Casa Branca; Gran Royalle Casa Branca; e Recanto do Vale; Associação Comunitária Recanto da Aldeia; Instituto Casa Branca de Proteção à Fauna e Flora; ONG Casa Guará; Vale, Vallourec, Mineração Itaminas, MIB – Mineração Ibirité. Pretende-se ainda acertar a participação de empresas que atuam na região.

Para Francisco Mourão, biólogo da Amda, a integração de esforços para combater incêndios na região, envolvendo todos estes segmentos, pode ser considerada uma das maiores iniciativas no estado para a mobilização e montagem de estrutura voltada às ações contra as chamas. “Isso acontece em uma área tradicionalmente muito impactada pelos incêndios e com grande importância ambiental, tanto pela riqueza em biodiversidade, como pela função que cumpre na proteção de mananciais utilizados no abastecimento da RMBH e de seu colar envolvente”, comentou.