Array
Notícias

Projeto paulistano transforma árvores caídas em bancos públicos

Array
Projeto paulistano transforma árvores caídas em bancos públicos
Primeira unidade está no Largo da Batata

Vítimas de fortes temporais ou até mesmo em função de sua idade avançada, frequentemente árvores caem nas ruas e causam transtornos para quem passa pelo local. Agora, as espécimes de São Paulo terão um novo destino: serão transformadas em bancos públicos.

Este é o objetivo do programa Mobiliário Ecológico, lançado pela prefeitura no último dia 25 de fevereiro. O projeto é fruto de parceria firmada entre Secretaria Municipal de Verde e Meio Ambiente, Secretarias de Desenvolvimento Urbano e das subprefeituas. O designer Hugo França, especialista em esculturas e mobílias em madeira, é quem assina as obras.

A iniciativa vai reaproveitar os resíduos derivados de árvores que caíram ou foram removidas na capital, evitando o desperdício de madeira e transformando o material lenhoso em bancos para áreas públicas, parques e praças.

Além disso, o projeto pretende integrar a ampliação da oferta de espaços de convivência no município com a difusão de conceitos ecológicos e artísticos, tornando o programa um instrumento de educação ambiental para o município.

O primeiro banco ecológico já foi entregue e está localizada no Largo da Batata, em Pinheiros.