Fundo dos oceanos abriga mais de 14 milhões de toneladas de microplásticos

Estudo revelou que pode haver 30 vezes mais plástico nas profundezas dos mares do que na superfície.

Até as regiões mais remotas do planeta não estão livres da poluição plástica. A mais recente estimativa sobre a quantidade de plástico nos oceanos, indicou que há  mais de 14 milhões de toneladas de microplásticos no fundo dos mares. O levantamento, realizado pela agência científica nacional da Austrália, CSIRO, foi pulicado na segunda-feira (5), na revista científica Frontiers in Marine Science.

Com um submarino robótico, os cientistas coletaram amostras de sedimento oceânico em seis locais remotos na Grande Baía da Austrália, em profundidades de até 3 mil metros. Por meio da densidade das amostras, eles estimaram o volume de plástico existente no fundo do mar em todo o mundo. As análises indicam que pode haver 30 vezes mais plástico nas profundezas dos oceanos do que na superfície.

Com espessura entre um e cinco milímetros, os microplásticos são provenientes de qualquer objeto de plástico que se deteriora ao ser descartado na natureza, dando origem a minúsculas partículas. Pela espessura ultrafina, eles escorrem facilmente pelos ralos e acabam em rios e mares, impactando diretamente os ecossistemas marinhos. Estima- se, que milhões de toneladas de plástico sejam despejadas nos oceanos todos os anos.

Em cada grama de sedimento oceânico coletada na Grande Baía da Austrália, os pesquisadores encontraram uma média de 1,26 fragmentos de plástico, 25 vezes mais que o estimado em estudos anteriores. O dado revela o quanto os microplásticos são invasivos e estão por toda a parte.

A Dra. Denise Hardesty, coautora do estudo, disse que a equipe ficou surpresa ao observar altas cargas de microplásticos em um local tão remoto. Apesar de alarmantes, ela acredita que as descobertas servem para termos uma ideia melhor da extensão do problema.

“Todos nós podemos ajudar a reduzir o plástico que acaba em nossos oceanos, evitando plásticos de uso único, apoiando a reciclagem e as indústrias de resíduos e descartando nosso lixo com cuidado para que não vá parar em nosso meio ambiente”, disse Hardesty.

Repense seus hábitos e tenha uma vida mais sustentável. Veja dez itens plásticos que você pode abandonar hoje!

Planeta coberto por plástico

Estudos publicados no ano passado também alertaram para a presença de plástico nas zonas mais inóspitas da Terra. Ao analisar a neve que cai sobre as ilhas Svalbard, na parte ártica norueguesa, pesquisadores encontraram milhares de fragmentos plásticos: mais de 10 mil por litro de neve derretida.

Outra pesquisa, encontrou fibras sintéticas liberadas na lavagem de roupas em todos os continentes, chegando até as geleiras polares. A contaminação das águas por microplásticos é um alerta para animais marinhos e também para a saúde humana, afinal, esses resíduos estão na água e na cadeia alimentar.

Rua Antares, 100, Santa Lúcia
Belo Horizonte / MG CEP: 30360-110
Telefone: (31) 3291 0661

Assine e receba as novidades e notícias sobre nossas ações, eventos e meio ambiente