Notícias

Novo mapa de áreas e ações prioritárias da Mata Atlântica é construído com sociedade

Interessados podem contribuir até 15 de janeiro

09 de Janeiro de 2018
Foto Projeto

Profissionais, organizações ou empresas que atuam na Mata Atlântica podem contribuir para a construção da segunda atualização do Mapa das Áreas e Ações Prioritárias para a Conservação da Biodiversidade Brasileira, específica para o bioma. Este material é uma fonte de informação para trabalhos e tomada de decisões na esfera da conservação socioambiental na Mata Atlântica.

Os interessados devem responder um formulário online até 15 de janeiro. As respostas visam avaliar o impacto do processo anterior, ocorrido em 2007, e nortear a elaboração do novo documento. As organizações participantes terão os devidos créditos inseridos na pesquisa e no resultado final do mapa, que ficará mais completo e terá acesso livre.

Esta fase da avaliação irá balizar todo o processo que se seguirá, pois permitirá que as áreas e ações a serem definidas possam apontar prioridades e otimizar os recursos destinados para atender demandas de ações de conservação e uso sustentável da Mata Atlântica.

Instituídas formalmente pelo Decreto nº 5092 de 2004 no âmbito das atribuições do Ministério do Meio Ambiente (MMA), as áreas prioritárias são um instrumento de política pública para apoiar a tomada de decisão, de forma objetiva e participativa, no planejamento e implementação de ações para conservação da biodiversidade brasileira, como a criação de unidades de conservação, licenciamento, fiscalização e fomento ao uso sustentável.

Os trabalhos estão sendo desenvolvidos pelo Instituto de Pesquisas Ecológicas (IPÊ), por meio de parceria com o MMA e Funbio, no âmbito do projeto Biodiversidade e Mudanças Climáticas na Mata Atlântica, coordenado pelo MMA, no contexto da Cooperação para o Desenvolvimento Sustentável Brasil-Alemanha. O processo recebe apoio da Iniciativa Internacional de Proteção do Clima (IKI) do Ministério Federal do Meio Ambiente, e Proteção da Natureza, Construção e Segurança Nuclear (BMUB) da Alemanha.